Ano Novo, Vida Nova

Por Maurílio Mendes,”O Mensageiro”

Re-ordenado em 28 de fevereiro de 2017, com diversos desenhos inéditos

(Todas as postagens de ‘Marília’ são dedicadas as Mulheres)

……….

Começamos por 3 imagens inéditas, produzidas em fevereiro de 2017.

Marília tinha o cabelo bastante comprido. Enorme, ia até quase o umbigo dela.

Mas aí ela resolveu ter um novo visual, e cortou bem mais curto.

Ainda no começo do ano ela brigou com o namorado, e terminaram. Então ela passou a tesoura pra ‘começar de novo’, pra descartar a Energia do ciclo anterior que não lhe serve mais.

Ano novo, vida nova. E, se Deus quiser, também um namorado novo”, ela pensou.

Tudo bem que no calendário já estamos concluindo o 2° mês de 2017.

Ah, mas não dizem que o ano só se inicia mesmo depois do Carnaval? Então, ainda está em tempo de eu começar 2017 novinha em folha, ri-ri…”, ela se diverte.

Marília está se referindo ao fato que eu fiz esse desenho e levantei pra página na 3ª feira de Carnaval.

Seja como for, aí está o ‘antes/depois’. Primeiro o cabelo cobria os peitos e boa parte da barriga. Agora mal chega nos ombros.

apaixonadosEu disse que ela cortou bem mais curto. ‘Curto’ pro padrão das Mulheres, obviamente.

Marília é uma ‘menina/menina’, que curte ao máximo expressar a Energia Feminina de seu corpo. Por isso ela jamais vai cortar seu cabelo como Homem.

Digo, ela fez isso uma vez, mas se arrependeu amargamente, e pôs até aplique pra voltar a se sentir como gosta, enquanto os fios naturais não crescem de volta.

………

Ao lado: uma outra fase da vida de Marília, em que ela já é muito bem-casada com seu Amado Maurílio.

os-pombinhos-e-a-cidade

“O Amor e a Cidade” – a Selva de Pedra.

Vamos abrir a câmera e ver onde está rolando esse beijo apaixonado:

No Centro da Cidade de São Paulo. Marília é garçonete num dos restaurantes da região.

Nem deu tempo dela tirar o uniforme. Maurílio só esperou ela bater o cartão e a levou pra cobertura, pra namorarem um pouco.

Agora vejamos a postagem original (emeio publicado em 8 de setembro de 2012):

Toda Roxinha: rebelião feminina e silenciosa contra o uni-forme

eis-sua-agua

Sou garçonete.

Por obrigação profissional Marília precisa usar uniforme, o que ela detesta.

Como dito acima, Marília adora expressar Feminilidade, em todos os detalhes.

Assim que acaba seu turno ela imediatamente vai ao vestiário e bota uma roupa mais alegre, mais chamativa.

Só mesmo a pedido de seu Grande Amor Maurílio ela adia esse gesto.

Ela gosta de se vestir de forma multi-colorida, em que a roupa reflita seu estado de espírito do dia.

Poucas coisas oprimem tanto seu Espírito Feminino  quanto ter se vestir da mesma forma única, uni-forme, todos os dias.

E ter que se vestir da mesma forma única, uni-forme, que as outras pessoas que tem o mesmo cargo que ela.

Por isso aqui vê Marília em rebelião feminina e silenciosa contra o uni-forme.

Unhas azuis, usando muitas pulseiras, e enquanto está no metrô a caminho do serviço com um vestido roxo chamativo ao extremo.

Pra compensar o vestido azul clarinho nada chamativo que é seu traje profissional.

sou-garconeteOssos do ofício . . .

………..

Nessa outra postagem, vamos encontrar Marília trabalhando como caixa, também de uniforme azul.

E também dando um jeito de expressar sua feminilidade apesar do vestuário padronizado.muitas pulseiras e unhas azuis

Beijos em teu Coração de Mulher.

Que Deus a Ilumine Infinitamente.

“Deus proverá”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s